Aprendendo a Viver:

"Nunca deixe de fazer algo bom, seja por você ou por outro alguém, mesmo que pareça muito pouco. Há pequenas coisas, minúsculos gestos ou palavras que são capazes de transformar corações, pensamentos e futuras atitudes."

Lá vai a primeira façanha de 2018: blusa de alcinha!!!

Bom dia, pessoas maravilhosas!!!

Estou muito feliz por ter a oportunidade de viver a virada de mais um ano!!!
Que seja cheio de paz, saúde, família unida, muitas risadas, doces e travessuras!!!
2017 foi um ano delicioso, tive e tenho muito a comemorar, pois vivi inúmeros momentos de alegria, aprendizado, surpresas e milagres. Tudo graças ao meu Papai dos Céus, que fez questão de me presentear todos os dias, na companhia de família e amigos amáveis e sinceros.   
Em 2018, quero aproveitar muito mais cada oportunidade.
Prometo que vou me esforçar pra compartilhar dicas e trabalhos artesanais com mais frequência.
Sinto falta de mais doses das tarefas prazerosas que são um porto seguro quando estou com meu corpo exausto, estressado, ou com a cabeça cheia de ideias mirabolantes.

E pra fazer jus a minha promessa....
Aqui vai a primeira façanha de 2018!!!!
Eu precisava de umas blusas de alcinha pra usar nesse verão escaldante.
Foi só abrir o armário do mini atelier que lá estava a solução.
O tecido florido estava guardado faz tempos, o azul era uma sobra, que até então, eu não sabia o que fazer com ele.
Corta aqui, alfineta ali, costura acolá...E.... Tchaarrraaaaaammmmmm....
Gente, foi super fácil. Usei uma blusa que já tinha pra riscar o tecido, cortei e costurei.
Fiz o acabamento com revel, achei bem mais prático e tão belo quanto o viés.
Aproveitei o embalo e cortei outras peças, outro dia eu posto aqui.
E aí, gostou?
Que tal tentar vc tbm?
Boa sexta!!!
Bjus



Colorindo meu mini Atelier - Riscos para Bordar

Bom dia!
Hoje quero compartilhar com vocês uns achados maravilhosos que vou usar pra colorir o meu cantinho favorito, minha sala de arte. São lindos riscos para bordado livre.
Eu amei cada um deles e creio que vocês também irão gostar.
Linhas e agulha na mão e vamos começar!!!!







(Fonte: Pinterest)



Eu na Cozinha: Minha experiência com o Kefir

Boa tarde, pessoas queridas!!!
Que nossa semana seja recheada de coisas boas e saudáveis pro nosso corpo e mente.
Cozinhar e preparar refeições saborosas também é uma arte, não é?! 
Por isso decidi falar de algumas das minhas proezas na cozinha.
Hoje quero compartilhar com vocês minha experiência com o kefir de Leite.
Eu descobri essa delícia há poucos dias e já incorporei em meu cardápio diário pra manter minha alimentação equilibrada e saudável.
"Grãos" de Kefir de leite.
Não é uma tarefa fácil pra mim, mas depois da reeducação alimentar que me ajudou a emagrecer 15kg, sem remédios, sem dietas restritivas e sem sacrifícios exorbitantes, a cozinha virou um cantinho sagrado. Então faço questão de pesquisar, buscar orientação médica, testar receitas novas e me dedicar ao controle do que estou ingerindo.
E já vai pra 4 anos que me mantenho firme nessa disciplina: controle da alimentação, jejum intermitente (12h) e, no mínimo,  150 minutos de exercícios físico por semana.
Às vezes cometo uns deslizes aqui, outros acolá, mas meu organismo "aprendeu a rejeitar" muitas porcarias alimentares, e quando fico com os músculos parados por algum motivo, meu corpo "grita".
Então, não tenho outra escolha e essa é a melhor que já fiz em prol da minha saúde.
Faz uns 8 anos que sofro com a intolerância à lactose, mas só comecei a tratar corretamente, há cerca de uns 5 anos, ainda assim, de lá pra cá o nível da intolerância aumentou bastante.
E não adianta eu recorrer aos remédios porque comigo não funcionam. Odeio remédios. Quando leio as bulas então... Sofro, mas não consigo tomar, só se os sintomas estiverem insuportáveis.
Recentemente, fui a uma festa e dei um azar daqueles... Tudo estava repleto de lactose. Porém eu não consegui resistir. Não comi em excesso, mas comi os "alimentos inadequados" pra minha saúde.
De vez em quando, corria o risco. Sofria algumas horas, logo tudo ficava bem, mas não foi dessa vez.
Resultado???? Quase morri de tanta dor, fui parar no hospital, 3 dias te atestado médico e duas semanas sofrendo com os resquícios do meu excesso de ingestão de lactose.
Até que ouvi uma amiga dizer que sua vizinha estava doando mudas de kefir. Não fazia a menor ideia do que seria, mas diante da lista de benefícios, resolvi pesquisar. E se é de graça, porque não??? 
Não deu outra!!! Resolvi pedir a doação.
Recebi os grãos congelados, pesquisei sobre como cuidar deles e pronto!!!
No início fiquei com medo de não saber cuidar, do meu organismo não tolerar, porque o leite utilizado pra fermentação tem que ser com lactose, pois a colônia "se alimenta" dela.
Mas já na segunda leva da fermentação, resolvi experimentar o fermentado de kefir.
Que maravilha!!!! Posso colocar a fruta que eu quiser, os complementos que eu quiser... hummmm...
Adeus iogurtes "zero lactose" caros, cheios de aditivos e sabores artificiais!!!!
Apesar da intolerância à lactose não tive problemas. Na verdade, eliminaram os incômodos desagradáveis que eu sentia com certa frequência. Estou amando os resultados, mesmo com pouco tempo de consumo.
Vale a pena conhecer alguns dos benefícios do kefir.

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS

1- Problemas estomacais
Ajuda a reduzir a acidez estomacal em excesso, sendo portanto, um ótimo alimento para pessoas com problemas de gastrite, úlcera e refluxo, entre outros.
2- Problemas hepáticos
Tem uma importante função referente ao controle de produção da bílis pelo fígado, como também, é indicado como coadjuvante nos casos de hepatite.
3- Problemas intestinais
Suas leveduras, bactérias amigas e lactobacilos ajudam a enfrentar e suavizar as crises de colite em suas diversas formas, como também outras patologias relacionadas ao cólon, e ao ataque às bactérias nocivas presentes no intestino. Sendo também um aliado no combate à diarreia, constipação intestinal, e inflamações.
4- Problemas articulares
A presença do cálcio na composição do kefir ajuda no combate a osteopenia, osteoporose e reumatismo.
5- Problemas respiratórios
Mais uma propriedade importante do kefir está ligada à melhora nas crises de asma, bronquite e tuberculose.
6- Fortalecimento do sistema imunológico
As alergias, candidíase e outras doenças oportunistas relacionadas ao sistema imunológico em desequilíbrio serão beneficiadas pelo uso do kefir.
7- Problemas emocionais
A presença do triptofano estimula o cérebro na produção de endorfinas e serotonina, ajudando nos casos de depressão e ansiedade.
8- Problemas dermatológicos
O kefir ajuda a manter a pele, cabelo e unhas saudáveis.
9- Problemas circulatórios
Estimula a circulação, favorecendo o bom funcionamento do coração, regulando a pressão arterial e ajudando no combate ao colesterol ruim.
10- Benefícios musculares
Rico em proteínas, que são os agentes fundamentais na construção muscular, também ajuda a potencializar a absorção de glicose pelas células musculares, o que promove grande ajuda no rendimento físico.
11- Ajuda a emagrecer
É um aliado importante no combate aos quilos adicionais, desde que acompanhado dos demais cuidados  saudáveis (reeducação alimentar e exercício físico, por exemplo). É um regenerador da flora bacteriana, portanto, ajuda na digestão, facilitando a metabolização das gorduras, como também, a eliminação de toxinas. É rico em proteínas, que favorecem a aceleração do metabolismo. Alimenta e tem baixo teor calórico. Aumenta os fluídos corporais, ajudando a depurar gorduras e toxinas.

Fonte de pesquisa dos benefícios: 
http://www.mundoboaforma.com.br/11-beneficios-do-kefir-para-que-serve-e-propriedades/

Gostou da dica?
Espero que sim.
 Outra hora eu explico sobre os cuidados com o kefir.
Tenham uma ótima semana!!!!
Beijos






Gráficos Natalinos - Ponto Cruz

Oba!!!
Já está chegando o Natal!!!
Pra mim, essa é umas das datas mais deliciosas do ano.
Sempre vem cheia de amor, carinho, gentilezas, abraços, inspirações e muuuuuitas guloseimas!!!
Mais do que isso...
É o momento pra comemorarmos em família o maior presente oferecido à humanidade: o nascimento do menino Jesus. Não há presente maior ou melhor que esse!!!
E pra alegrar as nossas vidas, bordadeiras de plantão...
Aqui vão belos gráficos natalinos!!!
Espero que amem!!!
Mil Beijos💕💕

(Fonte: Pinterest)














 



 


Barradinhos de Crochê

Boa tarde!!!
Espero que estejam todos bem, cheios de saúde e felizes, apesar dos pesares que nos cercam todos os dias. Cada amanhecer é um nova oportunidade pra sermos gratos e recomeçar com o coração repleto de esperança, muito muito muito... amor e bondade.

Vamos às maravilhas do crochê...
Quero compartilhar com vocês alguns gráficos de barradinhos que são os meus preferidos.
Amo fazer o acabamento dos panos de copa/cozinha com eles. São fáceis e ficam sempre lindos!!!
Aproveitem ao máximo!!!
















 Bom final de semana!!!! 💕💕💕



Puxa Saco com Tutorial

Bom dia, pessoas arteiras e curiosas!!!!
É com grande orgulho que venho publicar uma fofurice feita por mim.💕
Eu precisava urgentemente de um puxa sacos de tecido, claro! (rsrsrsrs)
Adeus sacolas espalhadas e embuchadas na gaveta da cozinha!!!!
Vejam que lindo!!!
COMO EU FIZ
1° Passo:
- Separe duas tiras de tecido colorido (15cm x 40cm) e uma de tecido para pintura (30cm x 40cm).
- Separe dois pedaços de viés (40cm).
- Separe dois pedaços de elástico fino (10cm e 12cm).
- Faça bainha nas duas tiras de tecido colorido.
- Una as 3 (três) tiras de tecido.
 - Costure o viés 5cm acima da tira de tecido, o mais rente possível, pois o elástico irá passar por dentro dele.




- O lado direito ficará dessa forma.   👉👉👉👉
- Só passaremos o elástico dentro do viés depois que a pintura estiver pronta e seca.


2º Passo:
- Escolha um risco e faça a sua pintura.
- No meu caso, eu mesma fiz o desenho e utilizei o papel carbono para transferir o risco para o tecido.
- Use e abuse das cores e da criatividade.

Minha pintura ainda é bem amadora... Eu sei...
Mas já evolui muito e amei o resultado.
O que importa é vencer o medo de usar o pincel e partir pra arte!!!
Eu juro que estou tentando!!!! (rsrsrs)

3º Passo:
- Depois que a pintura secar, passe o elástico. Usei o de 12cm na tira de cima e o de 10cm na tira de baixo.
- Com o auxílio de alfinetes una as laterais e finalize com uma costura reta.
- Pra pendurá-lo, usei uma argolinha de acrílico pregada no tecido com um pedaço de fita de cetim (na parte de trás).


Prontinho!!!
Mil beijos...